sábado, abril 20Conteúdo Relevante pra Você

Tag: Belo Horizonte

Espaços Culturais no Brasil

Espaços Culturais no Brasil

Cultura
Hoje nos voltamos a nossa série de espaços culturais abertos no Brasil, eu já tinha falado de Belo Horizonte, mas como todos os espaços não tinha sido abertos voltamos a falar hoje. Lembrando que tem que manter o distanciamento e uso de máscaras ainda é obrigatório em todos os locais. As atividades presenciais retornaram aos centros culturais Alto Vera Cruz, Liberalino Alves de Oliveira, Vila Fátima, Vila Santa Rita, Urucuia e Zilah Spósito. Eles se juntam às unidades do Jardim Guanabara, Pampulha, Salgado Filho, São Geraldo, Usina da Cultura, Urucuia, Vila Marçola, Venda Nova, São Bernardo, Lindeia Regina, Padre Eustáquio e Bairro das Indústrias, que foram reabertas em outubro. As bibliotecas instaladas nestes centros culturais também retomam suas atividades presenciais. Os usuá...
Mercado Central de Belo Horizonte: história, cultura e gastronomia em um só lugar

Mercado Central de Belo Horizonte: história, cultura e gastronomia em um só lugar

Lazer, Não deixe de Ver
No dia 7 de setembro de 1929 nascia o Mercado Central de Belo Horizonte em um terreno composto por 22 lotes, localizados próximos à Praça Raul Soares, com objetivo de centralizar o abastecimento da população e reunir todos os feirantes da Praça da Estação e da praça da atual rodoviária. Quando o prefeito Cristiano Machado resolveu criar o Mercado Municipal, como era chamado na época, Belo Horizonte era uma jovem cidade de apenas 31 anos. Em 1964, alegando dificuldades em administrar a feira, o então mandatário Jorge Carone, resolveu vender o terreno causando enorme transtorno a todos na época. Foi então que os comerciantes criaram uma cooperativa e contando com investimento no projeto dos irmãos Osvaldo, Vicente e Milton de Araújo, fundadores do Banco Mercantil do Brasil, conseguiram fi...
Inhotim está funcionando com capacidade de público ampliada

Inhotim está funcionando com capacidade de público ampliada

Lazer, Não deixe de Ver
O Instituto Inhotim, museu de arte contemporânea e jardim botânico de Brumadinho, dobrou o limite diário de visitantes de 500 para 1.000 desde o dia 5 desse mês. Houve mudança também no horário de funcionamento: a visita aos acervos de arte e botânica podem ser feitas de quinta a sexta, das 9h30 às 16h30, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 17h30. "A adesão do público aos protocolos estabelecidos, a grande procura de ingressos em julho e a vacinação contribuíram para adotarmos essas novas medidas", afirma Antônio Grassi, diretor-presidente do Instituto Inhotim. Procedimentos estabelecidos no Inhotim, como o uso obrigatório de máscara, por funcionários e visitantes, displays de álcool em gel distribuídos pelo parque e distanciamento entre as mesas nos pontos de alimentação, c...
Prefeitura de BH deve ampliar horário de funcionamento de bares e restaurantes: Kalil deve autorizar funcionamento até 23hs.

Prefeitura de BH deve ampliar horário de funcionamento de bares e restaurantes: Kalil deve autorizar funcionamento até 23hs.

Lazer, Não deixe de Ver
Na tarde desta terça-feira (20/07), houve uma reunião entre o Prefeito de Belo Horizonte Alexandre Kalil (PSD) e o presidente do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Belo Horizonte e Região Metropolitana (Sindibares), Paulo César Pedrosa. Na reunião, o sindicato  pediu um horário mais ampliado para fechar as portas, permissão para aumento da quantidade de pessoas por mesa; e mudanças nos protocolos para funcionamento das casas noturnas. No formato atual, os estabelecimentos podem receber o público das 11h às 22h, com venda e consumo de bebidas alcoólicas. O Sindicato pede que o horário se estenda até a meia-noite. Para o delivery, não há restrição de horário. Segundo Pedrosa, Kalil disse que por enquanto acha que até às 23hs vai se...
Governo de MG pensa em criar auxílio para cultura e comércio

Governo de MG pensa em criar auxílio para cultura e comércio

Cultura, Não deixe de Ver
Na manhã desta terça feira (16) o Governo de Minas Gerais, anunciou em entrevista coletiva, durante as atualizações da chamada "Onda Roxa, do programa Minas Consciente" que está aplicado em todo o estado para conter o covid19 ações com foco em auxiliar o comércio e a  cultura no estado. Na entrevidas o governador Romeu Zema, detalhou como será a implantação da onda roxa, que é a fase mais retristiva no estado, Zema (Novo) disse que o governo mineiro está estudando viabilidades para criar um programa de auxílio a cultura e ao comércio no estado. A partir de quarta feira (17), os 853 municípios do estado de MG, entrarão na onda roxa, com foco na diminuição do avanço do contágio por Covid19. Uma das medidas é a implantação do toque de recolher entre 20h e 05h e a proibição das reuni...